Sábado, 28 de Novembro de 2009

 Fotografia retirada do LookBook

 

Designa-se por Vintage todo o vestuário desde os anos 20 até aos anos 90, que outrora estava em voga, ou seja, não pertencia à contra-cultura. Existem imensas vertentes no interior do Vintage. O movimento Rockabilly inspirou-se por completo nos anos 50, o pop anos 60 foi apelidado de movimento Retro, assim como o movimento Ploc fez o revivalismo dos anos 80, numa adaptação mais moderna da Disco. Dos anos 20 até aos anos 40, foi uma era clássica. Neste artigo será explicificado o movimento Vintage dos anos 70 até aos anos 90. Na actualidade, celebridades como Agyness Deyn, Lindsay Lohan, Mary Kate Olsen, Mischa Barton, entre muitas outras, têm vindo a adoptar o look Vintage. Assim como nas lojas de centro comercial já se começa a notar imenso vestuário Vintage. Adoptou influências do Rock, do Grunge e do Hippie.

 

 Dicas:

1.     Penteado. Para as raparigas, usam-se os cabelos soltos, revoltos, pela linha acima do peito. Cabelos compridos (abaixo da linha do peito, mais ou menos pela linha da cintura), lisos ou ondulados, sem ou com uma franja comprida e recta. As franjas rectas são muito populares, tanto em cabelos curtos, médios e compridos. Também se utilizam os cabelos apanhados no topo da nuca, ou apanhados com laços de cetim. Os rapazes usam tanto cabelos curtos quanto compridos, as poupas Rockabilly também são populares, assim como alguns rapados laterais e franjas. Os tons da coloração tendem a ser naturais, os tons que é natural que os cabelos têm (castanhos, louros, ruivos, pretos). Como é um estilo que segue o antigo, não há muito espaço para a inovação em termos de coloração.

2.     Casacos. Blusões de cabedal, blusões e camisas de ganga, casacos de veludo, sobretudos de pêlo de cor preta ou branca ou com padrão leopardo, casacos de malha, casacos de lã, casacos de caxemira, blazers, casacos de penas, trench coats britânicos, são os favoritos.   

3.     Camisolas largas e compridas, de lã com padrão colorido (ao estilo anos 80), de algodão, que as raparigas podem usar com leggings e um cinto apertanto na cintura, ou simplesmente deixar o tecido cair. Camisas que se usavam dos anos 40 aos anos 80 também são boas escolhas para rapaz, assim como pólos, camisolas às riscas, de cores planas. Há uma preferência por uma paleta de cores mais sóbria (dos cinzentos aos pretos, dos azuis-escuros aos brancos, aos beges). É bom manter um constante visual entre camisola larga e calças justas.

4.     Vestidos. De corte acima do joelho, abaixo do joelho ou compridos. Sempre cintado, acentuando as curvas do corpo feminino. Com cores planas, com motivos florais, com motivos de papel de parede de Arte Nova, modelos dos anos 40, 50, 60, 70 e 80, riscas finas, fabricados em seda, em caxemira ou em veludo. 

5.     Calças  e calções curtos (shorts) de ganga clara ou escura planas. Abandono das calças com rasgões ou lavagem de lixívia. Sempre com corte recto ou justo, de cintura subida para as raparigas. Também são populares leggings compridas, de lycra ou imitação de cabedal, e o uso de collants opacos com os vestidos. Preferência pelos cortes femininos de calças e saias com cintura subida, abandonando o corte de cintura descaída, que não favorece o corpo feminino. Cintos apertando na cintura são populares, cintos finos, antigos, masculinos, de cabedal castanho ou preto.

6.     Calçado. A preferência óbvia vai recair sobre os sapatos vintage. Tanto nos modelos masculinos dos anos 20, sendo usados por homem e mulher. Como nos sapatos de salto femininos dos anos 20 e 40, a serem usados pelas raparigas. Converse All Stars, sapatilhas de pano com atadores (ao estilo dos anos 80), sabrinas com estampados florais ou animais (leopardo, zebra). Botins de couro preto, com ou sem atacadores, botas e sapatos Doc Martens, sapatos Saddle Oxford e mesmo Creepers.

7.     Acessórios. Colares de pérolas, medalhões, laços de veludo e seda, com motivos de Arte Nova (como flores e pássaros), anéis grandes e antigos, prefere os brincos pequenos como pérolas, rosas prateadas ou pequenas argolas prateadas. Lenços atados em redor do pescoço também são muito usados; lenços dos anos 50 e 60, com padrões, lenços Chanel, e podem ser usados, igualmente, em torno da nuca como faziam os Hippies nos anos 60. Preferência por malas de couro castanho, de tiracolo e mochilas, mas também por carteirinhas com corrente dourada, estilo introduzido pela casa Chanel.

8.   Óculos de Sol. A escolha recaí em modelos que estavam em voga nos anos 50 até aos anos 90. Ray-Ban Clubmaster, Wayfarer e Aviator. O modelo Windsor, popularizado por John Lennon, também é popular, assim como os óculos Jackie O, usados nos anos 60. Óculos Buddy Holly e Cat-Eyed, dos anos 50, também são uma boa escolha. Assim como outros modelos anónimos que poderão ser encontrados em lojas de velharias.

9.   Maquilhagem. Há preferências pela maquilhagem simples e natural, de rostos pouco maquilhados. Rímel preto com sombra negra esbatida, os chamados "smokey eyes". Ou simples lábios vermelhos, das várias tonalidades de vermelho, havendo uma preferência pelo vermelho forte. Desenhar um risco negro nas pálpebras superiores, tal como nos anos 50, também é popular.

 Fotografia retirada do LookBook 

Sugestões:

·         Encontrar roupa. Existem imensas marcas que vendem roupa clássica, como a Fred Perry e a Lacoste, mas como os preços não são acessíveis a todas as carteiras e usar roupa verdadeiramente Vintage tem um resultado visual muito mais interessante, procura nos baús de roupa antiga dos teus avós e pais, em lojas de segunda mão, algumas lojas de velharias vendem roupa, feirinhas, se viveres em metrópoles, procura nas lojas da Baixa da cidade, que vendem roupa destinada a pessoas idosas, vais encontrar relíquias bonitas, e até pode existir uma loja que venda roupa exclusivamente Vintage, como é o caso de Lisboa.

·         Revistas de Moda. São uma grande fonte de inspiração, uma vez que o Vintage costuma fazer as delícias dos designers com frequência. Encontras estas revistas em qualquer papelaria ou tabacaria, como: Vogue, Elle, Teen, Happy, Maxima, Cosmopolitan, entre outras do género.

Fotografia retirada do Lookbook 

Avisos:

·         Anorexia e Bulímia. As modelos da actualidade são magríssimas e são grande fonte de inspiração para looks Vintage. É de extrema importância que comas de modo saudável e não fiques obcecada em querer ser esquelética, o que resulte em que deixes de comer ou comeces a vomitar após as refeições para ficares com o corpo igual ao delas. Toda a beleza que elas aparentam nas revistas nem é real; é fruto de edições de Photoshop, maquilhagem, têm profissionais a corrigirem todas as imperfeições que o corpo delas têm só para parecerem fabulosas e magras nas folhas das revistas. Além disso, os rapazes preferem raparigas com curvas bonitas a magricelas. Portanto, não deixes de comer, seja qual for a razão. Se achas que necessitas de emagrecer, começa a praticar desporto, é um modo saudável de reduzir o peso e fortalecer a saúde.

Fotografia retirada do Lookbook

 

 


publicado por Be Alternative Blog às 14:29 | link do post | comentar

12 comentários:
De d. a 29 de Novembro de 2009 às 01:04
Este estilo é tão fixe!!


De Mia a 24 de Dezembro de 2009 às 18:54
Olá :)
Adorei o teu blog, continua!
Gostava que fizesses uma pesquisa sobre o estilo Slacker (descontraído, desportista) ... é uma espécie de Grunge, mas não tão exagerado (penso eu).
Obrigada *


De bones a 30 de Dezembro de 2009 às 12:50
Este é o best de todos!


De Anónimo a 16 de Fevereiro de 2010 às 02:41
Ola...eu só queria dizer que na minha opinião vintage não é propriamente um estilo...mas sim o gostar de peças de roupa antiga e em segunda mão de uma determinada epoca e saber conjugar isso no vestuário de dia a dia sem parecer que estas a usar uma fantasia....eu uso roupa vintage e acho que isso não define um estilo porque apesar de usar muitas coisas que tu defines nesse post eu acho que vintage não tem regras como estilo punk emo lolita ....se é que me entendes.


De YY a 22 de Fevereiro de 2010 às 17:47
ja algum tempo que vejo o teu blog, bom post ahah ! este é o meu estilo de vestir já ha uns dois anos que adoptei este estilo :D


De Ana a 27 de Fevereiro de 2010 às 14:14
Olá, gostava que fizessem um post sobre os hipsters :)
bjs


De Be Alternative Blog a 8 de Março de 2011 às 02:55
Já está! Obrigada pela sugestão.


De joe a 26 de Junho de 2010 às 15:49
Não copies exactamente o visual de alguém que tenha este estilo, se for um famoso é caro, pode não ser indicado para ti e se será um poser, se for alguém que conheças, essa pessoa não vai ficar muito satisfeita por ter alguém a imitá-la;

hum... bem dito num post de 'be a poser for dummies'.

be unique. rock&roll


De Biaa a 21 de Dezembro de 2010 às 19:31
Adorei este post!!! Acho o estilo LINDO!!!!!


De Anónimo a 31 de Março de 2011 às 22:05
Adoro! Mas o problema do Vintage? Tornou-se muito usado!


De renata a 3 de Maio de 2011 às 20:18
adorei!!! mas ta meio seculo 15


Comentar post

mais sobre mim
Março 2011
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Rasta

Beatnik (60's)

Hipster (2000's)

Vintage (70's - 90's)

Heavy (70's)

Retro (60's)

Rock

Ploc (80's revival)

Indie (rapazes)

Indie (raparigas)

arquivos

Março 2011

Março 2010

Novembro 2009

Agosto 2009

Julho 2008

tags

avisos

movimento beatnik

movimento cyber

movimento emo

movimento goth

movimento grunge

movimento harajuku

movimento heavy

movimento hippie

movimento hipster

movimento indie

movimento lolita

movimento ploc

movimento punk

movimento rasta

movimento retro

movimento rock

movimento rockabilly

movimento scene

movimento skater

movimento vintage

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds